fbpx
Escolha uma Página

Eai galera, tudo bem? O texto de hoje vai ser sobre como ajudar uma pessoa com baixa autoestima, desde o que dizer para uma pessoa com baixa autoestima, até como aumentar a autoestima de alguém.

O texto de hoje também vai ser útil para você que tem um namorado (a) com baixa autoestima, porque até o fim da leitura você vai entender qual é o papel do namorado (a) em aumentar a autoestima do parceiro.

O que significa baixa autoestima?

A autoestima é, basicamente, a opinião que você tem de você mesmo.

Logo, pessoas com alta autoestima costumam ter uma opinião positiva sobre elas mesmas. Elas se consideram pessoas otimistas, alegres, capazes e divertidas.

Do outro lado, pessoas com baixa autoestima costumam ter uma opinião negativa de si mesmo. Normalmente, essas pessoas se consideram incapazes, frágeis e tristes.

A autoestima de alguém pode começar baixa e se transformar numa autoestima alta, assim como uma pessoa pode ter uma autoestima alta que vai diminuindo com o tempo.

O importante é saber o que fazer quando a sua autoestima está baixa, para levar ela de volta aos níveis saudáveis.

O que fazer para recuperar a autoestima?

Considerando que a autoestima é a sua opinião sobre você mesmo, as atitudes que vão ajudar uma pessoa com baixa autoestima são atitudes que vão mudar a opinião dela sobre ela mesma.

Algumas pessoas acreditam que mudar a opinião que você tem sobre você mesmo significa mudar os seus pensamentos. Por isso, muitos psicólogos sugerem que você substitua os pensamentos negativos sobre si mesmo, por pensamentos positivos sobre si mesmo.

Nesse caso, quando você se pegar pensando: “Eu sou uma pessoa horrível”, deveria corrigir esse pensamento para algo como: Eu sou uma pessoa maravilhosa”.

Entretanto, a Eurekka discorda que isso seja capaz de realmente mudar a opinião que você tem de si mesmo.

A gente acredita que, da mesma forma que você muda sua opinião sobre alguém baseado nas atitudes daquela pessoa, você só vai mudar sua opinião sobre você mesmo quando as suas atitudes mudarem.

Por isso, a forma mais recomendada de, realmente, aumentar sua auto estima é fazer mais atitudes que te deixem orgulhoso de si mesmo.

É possível aumentar a autoestima de alguém?

Nesse raciocínio, o melhor jeito de ajudar uma pessoa com baixa autoestima é incentivar que a pessoa tome atitudes que deixem ela orgulhosa de si mesma. Assim, ao invés de focar em pensar positivo, a gente está focando em agir positivo. No entanto, essas atitudes positivas vão ser diferentes para cada pessoa.

Muitas pessoas dizem, por exemplo, que fazer atitudes de organização, como limpar a casa, organizar sua rotina ou cuidar de um bichinho, faz com que elas se sintam muito orgulhosas de si, e isso impacta na autoestima.

Como lidar com pessoas de autoestima baixa?

A pessoa com a autoestima baixa, mais do que só pensar sobre os seus defeitos, comumente, fala para os outros sobre os seus defeitos.

É possível que, numa conversa, a pessoa de baixa autoestima comente sobre como ela se sente feia, incapaz e frágil. Nesses momentos, é muito comum que você, como amigo, queira convencer a pessoa de que ela está errada, começando a listar qualidades positivas que ela tem, lembrando ela das suas conquistas.

O problema é que, às vezes, a sua tentativa de encher a bola da pessoa pode estar recompensando o comportamento dela de falar sobre os defeitos. Talvez, quando ela fala sobre os defeitos dela, ela está apenas querendo que alguém lembre ela das suas qualidades.

Assim, a sua tentativa de acalmar a pessoa pode ter ensinado a ela que falar sobre os próprios defeitos é um jeito de ser acalmada e acolhida.

Por esse motivo, o melhor jeito de lidar com uma pessoa com baixa autoestima é chamar ela para a AÇÃO.

Quando ela reclamar pra você dos próprios defeitos e das falhas, não vá, imediatamente, tentar convencer ou corrigir o que ela disse. Ao invés disso, se coloque disponível para fazer as atitudes que podem mudar essas falhas.

Em vez de tentar convencer a pessoa de que ela não é sedentária, convide ela para fazer exercício. Em vez de tentar convencer a pessoa de que ela não é tímida, ensine ela jeitos de puxar assunto e de fazer amizades.

Como ajudar uma pessoa com baixa autoestima?

Como a gente falou ao longo desse texto, a baixa autoestima é uma opinião negativa que você tem de si mesmo. Essa opinião negativa não é apenas baseada no que você pensa sobre si mesmo, mas também baseada nas suas atitudes.

Quanto mais você preenche seu dia com atitudes que te deixem orgulhoso de si mesmo, maior a sua autoestima vai ser. Por isso, o melhor jeito de ajudar uma pessoa com baixa auto estima não é fazendo elogios e convencendo ela de que os pensamentos dela estão errados.

No lugar disso, você deve incentivar ela a praticar as ações que vão deixar ela orgulhosa de si mesmo.

Clique no link para ver o vídeo sobre o assunto: Como ajudar uma pessoa com baixa autoestima a melhorar e ser feliz

Aprenda como trabalhar a autoestima com a Eurekka

Por fim eu queria falar para vocês sobre a terapia da Eurekka para a baixa auto estima. Como vocês sabem, a Eurekka é uma clínica de psicologia, que atende centenas de pacientes do mundo todo, com terapia online e presencial.

O tratamento da Eurekka para baixa autoestima é muito baseado em tudo que você leu aqui nesse texto. O foco do tratamento é ajudar você a aumentar a quantidade, e a intensidade, de atitudes positivas, que vão aumentar a sua autoestima como um efeito colateral.

Esse é um jeito muito nosso, da Eurekka, de olhar para a autoestima, que vai contra toda essa moda de repetir frases positivas e afirmações no espelho.

Justamente porque é tão diferente do que todo mundo faz, que eu acredito que você deva experimentar uma primeira conversa na terapia da Eurekka. Para fazer isso, clica aqui! Fique a vontade, também, para acessar nossos conteúdos em outras redes sociais, como: Instagram, Facebook e YouTube.

Confira um dos terapeutas da Eurekka falando sobre o assunto:

Parabéns por ter chegado até aqui. A gente quer interagir com você, então pode comentar aqui embaixo que a gente promete responder, tá?